Acesso às Redes e Aplicativos: cuidados essenciais

Nas últimas semanas, autoridades têm chamado a atenção para o crescente envolvimento de crianças e adolescentes no uso de aplicativos, disponíveis na internet, que favorecem a exposição nas mídias e podem colocar em risco a vida dos mais jovens.

O Colégio Saber Viver, cuja missão é promover a formação integral de seus alunos, acredita que o diálogo constante entre pais e filhos é indispensável nas questões de segurança das crianças. Por isso, recomenda aos pais ou responsáveis que conversem e orientem seus filhos quanto ao uso da internet e, principalmente, das redes sociais, evitando que as crianças e jovens se tornem vítimas daqueles que utilizam esse meio para a prática de atos ilícitos e/ou que incitam a violência e autoagressão.

Nesse sentido, com a colaboração de nosso Técnico em Informática, Renato Pereira, apresentamos aqui algumas dicas de segurança e controle aos pais:

– Orientem seus filhos a não divulgarem dados (nome dos familiares, endereço, telefone, etc.) e/ou imagens pessoais;

– Monitorem e determinem o tempo e horário de uso das “telas”;

– Acompanhem o acesso e o tipo de Rede utilizada;

– Permitam o acesso às redes e aos aplicativos somente em locais de circulação. Por exemplo: a sala da casa/apartamento;

– Lembrem-se de que algumas redes não estão autorizadas para menores de 18 anos. Vale ensinar os filhos(as) a não descumprirem as regras e combinados;

– Deem o exemplo. Pouco adianta restringir o uso dos aplicativos aos pequenos se eles veem adultos no celular o dia todo;

– Acompanhem sistematicamente as crianças/adolescentes no acesso às redes. Dialoguem constantemente com eles e alertem para fatos e notícias divulgados nos meios de comunicação. Além disso, existem aplicativos de controle disponíveis no mercado que são de grande utilidade;

– No Ensino Fundamental, nossos alunos aprendem que, primeiramente, devem fazer as tarefas de casa. Depois, vem o tempo de diversão (Hábito 3  O Líder em Mim). Reforcem isso!

 

Agradecemos o apoio e reiteramos nossa disponibilidade para auxiliar vocês nessa missão.

 

 

Manuela Barbosa, Psicopedagoga  Setor de Orientação Pedagógica (SOP) do Colégio Saber Viver



Deixe um Comentário