Como orientar a rotina de estudos do seu filho?

Estamos novamente no período escolar! Por isso, é importante lembrar que os pais podem ajudar os filhos a administrar o tempo, para que se tornem aprendizes autônomos e eficazes. Afinal, a melhor herança que podemos deixar para os filhos ainda é uma boa educação escolar. E para contribuir com esse processo de construção de um futuro seguro para seu(sua) filho(a), listamos algumas orientações que os ajudarão a planejar e manter uma rotina de estudo.

  • Organizem com eles um quadro de horário de estudo, incluindo todas as atividades diárias, por exemplo: esportes, cursos, terapias etc. O ideal é que esse horário seja feito a lápis, para ser ajustado sempre que for preciso;
  • Ao montar o horário, iniciem pelas disciplinas consideradas mais difíceis pelo(a) próprio(a) estudante, tendo como base o horário regular de aulas;
  • É necessário criar o hábito de realizar as atividades nos mesmos horários, ou seja, estabelecer uma rotina equilibrada e confortável, com etapas de descanso e lanche;
  • Deem atenção especial ao local de estudo: o espaço deve ser bem organizado e iluminado (a luz natural é melhor), assim como arejado e silencioso – TV, som e telefone podem interferir na concentração; deverá dispor de uma mesa ou bancada, com todo o material didático ao alcance: estojo, livros, cadernos, dicionários, etc.

Outras dicas úteis:

  1. Fiquem atentos aos prazos para o cumprimento das tarefas. Para isso, é fundamental que o estudante utilize uma agenda/caderneta, na qual anotará todas as informações em sala.
  2. Orientem as crianças/adolescentes a pesquisarem em livros, revistas, jornais, internet e dicionários. Dessa maneira, eles estarão sempre descobrindo coisas novas.
  3. Procurem identificar as dúvidas que deverão ser tiradas por eles, em sala de aula, com os professores. Certamente isso contribuirá para um melhor aprendizado.
  4. Estimulem o estudo diário. Conscientizem as crianças e adolescentes de que não é interessante deixarem para fazer os exercícios na véspera.
  5. Garantam aos filhos uma boa noite de sono e uma alimentação saudável e equilibrada. Já é fato que esses dois aspectos são de suma importância na idade escolar.
  6. Caso seu filho apresente necessidade em alguma disciplina, busquem a ajuda de um professor particular. Mas lembrem-se: em todo o processo educacional, os professores e a coordenação pedagógica estarão disponíveis para ajudá-los.

No mais, acompanhem o desempenho dos filhos, verificando as notas, as formas de estudar e a realização das tarefas, os prazos dos trabalhos e o tempo que passam nas redes sociais/internet. Isso tudo contribui para que eles possam obter melhor desempenho escolar!

E não se esqueçam de que uma das maneiras de alcançarmos bons resultados é através de atitudes. Assim, também é primordial o comparecimento dos pais aos atendimentos agendados com os professores e aos plantões pedagógicos.

Sobretudo tenham em mente que o sucesso do aluno depende, em grande parte, da articulação entre a família a escola.     

Fabíola Belém

Coordenadora Pedagógica do Saber Viver

Fonte: RIBEIRO, Marco. Aurélio de P. A técnica de estudar: uma introdução às técnicas de aprimoramento do estudo. Petropólis,  RJ: Vozes, 1997.



Deixe um Comentário